6 destinos no Brasil pra quem quer fugir do Carnaval

Faltando menos de um mês para o Carnaval, muita gente ainda tá sem destino para fugir da muvuca e aproveitar o feriado para relaxar. Há quem goste da muvuca e da folia, mas tem quem queira um pouco de paz e descanso no primeiro grande feriado de 2017. 

Por isso, selecionamos 6 destinos no Brasil pra você ficar de boa. Em alguns desses locais até rolam umas festas isoladas, só que dá pra encontrar lugares bem sossegados.

 

Mangue Seco – BA

Mangue Seco, na divisa da Bahia com Sergipe, já era cenário de cinema mesmo antes de servir de locação para o filme e a novela “Tieta”. Na paisagem quase deserta reúnem-se dunas, restingas, mangues e fazendas de coqueiros. São quase 30 quilômetros de praias de areias brancas e fofas, em constante movimento.

 

Ilha do Cardoso – SP

Preservação é a palavra de ordem na Ilha do Cardoso, onde um parque estadual ocupa cerca de 90% do território, garantindo a beleza do cenário formado por praias desertas, cachoeiras e trilhas em meio à mata Atlântica. O acesso, que não é dos mais fáceis, também colabora para manter a natureza intacta – a partir de Cananéia é preciso trocar o carro por uma embarcação.

 

Jalapão – TO

Pouco conhecido e selvagem, o Parque Estadual do Jalapão é afastado e de difícil acesso. Apesar do isolamento, a região está entre as mais bonitas do país graças à vida e às cores que emanam da natureza. No meio do cerrado surgem jardins de capim dourado, enquanto longínquas estradas de muita terra levam a verdadeiros oásis cercados por cachoeiras, poços de águas verde-esmeralda, dunas gigantescas.

 

Domingos Martins – ES

O Espírito Santo não é destino exclusivo de sol e praias. A região serrana do estado também é repleta de atrativos, como a pequena e bucólica cidade de Domingos Martins. Colonizada por imigrantes alemães e italianos, preserva a cultura européia através das construções típicas, das festas folclóricas e da gastronomia – o distrito de Pedra Azul, a cerca de 50 quilômetros do Centro, é repleto de bons e agradáveis restaurantes e passeios como cavalgadas.

 

Alto Paraíso de Goiás – GO

Astral místico e as incontáveis belezas naturais da Chapada dos Veadeiros fazem de Alto Paraíso de Goiás, a 230 km de Brasília (e a 440 km de Goiânia), um ponto de encontro de diversas tribos. Por lá, reúnem-se esotéricos, ecoturistas e aventureiros em perfeita harmonia – também, pudera! Em um cenário contornado por cânions gigantescos, paredões rochosos, rios cristalinos, cachoeiras, piscinas naturais e minas de quartzo, somente a paz pode reinar.

 

Galinhos – RN

A vila de pescadores continua como sempre foi, graças à localização estratégica – Galinhos fica na ponta de uma península isolada por dunas móveis – e ao acesso complicado. Para chegar, é preciso deixar o carro no estacionamento próximo ao povoado de Pratagil e pegar uma balsa para atravessar o rio que leva ao povoado de ruas de areia fofa. Por ali, uma frota de carrocinhas puxadas por jegues conduz à praia, um pontal de areia que avança em direção ao mar de azul intenso e contornado por um farol e duas lagoinhas que só aparecem de setembro a março.