Como Se Tornar o Pior Aluno da Escola | Filme politicamente incorreto ganha trailer inédito; assista

Como Se Tornar o Pior Aluno da Escola | Filme politicamente incorreto ganha trailer inédito; assista

A Paris Filmes divulgou novo trailer do longa Como se Tornar o Pior Aluno da Escola, que foi inspirado no livro homônimo do ator, apresentador e comediante, Danilo Gentili. O filme ganha estreia oficial no dia 12 de outubro com exibição nas principais salas de cinema de todo o país.

Estrelado por Carlos Villagrán, Bruno Munhoz, Daniel Pimentel e Danilo Gentili, o longa marca o início de Fabrício Bittarcomo diretor, narrando a trajetória dos estudantes Bernardo (Bruno Munhoz) e Pedro (Daniel Pimentel), que se veem divididos entre as obrigações escolares, a necessidade de tirar boas notas e ter bom comportamento. Danilo Gentili entra na jogada para desmistificar esta “regra” de bom comportamento e dizer que o sucesso é alcançado quando aproveitamos as coisas boas da vida. Por meio de sátiras inteligentes, o diretor consegue questionar o papel do aluno e do professor no ambiente escolar.

O trailer destaca cenas bem curiosas e divertidas como quando a dupla Pedro e Bernardo tenta roubar o lanche das crianças da pré-escola e acabam espancados por eles. Uma das crianças inclusive urina em Pedro que acaba bebendo o xixi!! Outra cena que merece destaque é o roubo da van e a perseguição pela cidade. O diretor Ademar dispara atrás dos garotos após roubar um carro no estilo policial dos filmes estrangeiros.

O elenco de Como se Tornar o Pior Aluno da Escola ainda é reforçado por nome como Moacyr Franco, Joana Fomm, Raul Gazolla, Rogério Skylab e Fábio Porchat.

 

COMO SE O TORNAR O PIOR ALUNO DA ESCOLA 

TRAILER 

SINOPSE

Como se Tornar o Pior Aluno da Escola traz os jovens Bruno Munhoz e Daniel Pimentel como os estudantes Bernardo e Pedro, respectivamente, que se veem divididos entre as obrigações escolares, a necessidade de tirar boas notas e ter bom comportamento, e a falta de propósito em cumprir todas as normas de uma escola que adota medidas cada vez mais politicamente corretas graças ao diretor Ademar (Carlos Villagrán). Após momentos de frustração, Pedro encontra no banheiro do colégio um diário contaminado com dicas para instaurar o caos na escola sem ser notado. O caderno levará os garotos para uma jornada que pode despertá-los ou arruiná-los para sempre.

Escrito por Redação

Quer produzir conteúdo pro Crônicas do Agora e ter o seu trabalho divulgado pra uma audiência crescente de leitores? Envie um e-mail pra redacao@cronicasdoagora.com.br e fale com a gente!