CRÔNICAS PRO BOL$O | Por que fazer um Seguro de Proteção Familiar?

Fim de feriado. Mesmo sabendo do trânsito que poderia pegar na volta da praia, Kleber arriscou o retorno às 16 horas. Depois de curtirem muito os quatro dias de lazer numa confortável casa alugada no litoral paulista, todos da família já estavam cansados e com saudades de casa. Tanto o marido quanto a esposa Lia e as duas filhas do casal. 

A subida da serra estava indo bem. Mas não demorou muito para o trânsito travar. Após 30 minutos sem sair do lugar, Kleber resolveu acompanhar os demais motoristas e sair do carro para tentar ver o que tinha acontecido. Houve um acidente! O motoqueiro estava inconsciente quando o pessoal ao redor chegou para ajudar. Kleber, que é farmacêutico, foi logo prestar os primeiros socorros ao ferido. Apesar do trânsito parado, a ambulância não demorou muito a chegar e logo já levou o motoqueiro. 

Já em casa no fim do domingo, todos da família estavam bem. As crianças comeram e logo foram dormir.  Enquanto Lia preparava as coisas para o dia seguinte, Kleber a chamou para conversar sobre o acidente. “E se fosse com você? E se fosse comigo? Quem iria pagar as contas se nós estivéssemos internados no hospital ou com gesso em casa? Quem pagaria nossas dívidas e a faculdade das crianças?”.

Eles ficaram pensativos e pararam pra refletir em relação ao futuro. Assim, se deram conta que a gente é muito frágil e nem tudo está sob nosso controle.  Aí Lia lembrou Kleber sobre o assessor de investimentos da família, com quem ele conversou no dia seguinte. 

Na conversa com o profissional especializado em investimentos, ele entendeu o seguinte:

CRÔNICAS PRO BOL$O | Por que fazer um Seguro de Proteção Familiar? *ITCMD: Imposto sobre Transmissão Causa Mortis e Doação de Quaisquer Bens ou Direitos – incide sobre a transmissão de bens móveis e imóveis

_

Ou seja, além da profunda tristeza, luto e o baque emocional, a morte do casal ou de algum dos dois iria gerar um déficit instantâneo de aproximadamente R$ 410.000,00.

Na mesma semana, Kleber e Lia fecharam um seguro de proteção familiar com uma apólice INCONTESTÁVEL, que cobria internação hospitalar, complemento de renda para afastamento médico, invalidez parcial, invalidez total e morte por qualquer causa.  O casal ainda foi informado que o Capital segurado é Isento de Imposto de Renda, o valor é liquido na conta do(s) beneficiário(s). E o melhor de tudo é que custa menos do que as pizzas que ele compra por mês.

Os seguros oferecidos no mercado em geral cobrem apenas mortes específicas, invalidez por acidente (não por doença), não dão coberturas quando há histórico familiar de alguma doença grave e não emitem apólice incontestável. Procure sempre observar todas as informações da apólice antes de tomar esta assertiva decisão para proteger a sua família.

 

POR QUE FAZER UM SEGURO DE VIDA FAMILIAR?

Blindagem patrimonial: protege o patrimônio da família, pagamento imediato do capital segurado. O seguro pessoal não pode sofrer bloqueio judicial (lei 13.105 art833);

Sucessão Familiar: Permite livre escolha de beneficiários, elimina custos advocatícios, elimina impostos e tem liquidez imediata para a família durante o processo de inventário;

Planejamento tributário: benefício não é caracterizado como herança, é livre de Imposto de Renda e livre do ITCMD, não há necessidade de declarar no IRPF. É considerado perante a receita federal como uma despesa e não um bem;

Proteção pessoal: Na impossibilidade de exercer sua atividade profissional, o segurado poderá ter intacta sua renda. Em caso de doença grave, o beneficiário recebe imediatamente o capital segurado.

CRÔNICAS PRO BOL$O | Por que fazer um Seguro de Proteção Familiar?Seguro não tem esse nome por um acaso. É uma segurança contra inconvenientes que todos nós estamos sujeitos.

Você está seguindo as etapas para realizar seus sonhos ?

_

+ CRÔNICAS PRO BOL$O: O QUE VOCÊ FARIA COM DINHEIRO A MAIS NA SUA CONTA

Na coluna Crônicas Pro Bol$o, você tem dicas quinzenais de como lidar da forma correta com os seus rendimentos. Caso tenha dúvidas sobre o tema, entre em contato comigo pelo e-mail: diego@coimbrainvestimentos.com.br

Escrito por Diego Maique Guimarães

Diego Maique Guimarães é formado em Administração, possui MBA em gestão empresarial pela FGV e atua há mais de 12 anos no mercado financeiro. Trabalhou nas maiores instituições financeiras do país e hoje é sócio da Coimbra Investimentos, escritório credenciado à XP Investimentos. Diego é especialista em investimentos e possui certificação na Ancord e registro na CVM (Comissão de Valores Mobiliários).