Dica Netflix: Zoo, uma série que vai prender a sua atenção do início ao fim

“Durante séculos, a humanidade foi a espécie dominante. Nós domesticamos animais, os prendemos e os matamos por esporte. Mas uma série de eventos recentes parecem sugerir que, pelo mundo todo, os animais decidiram que já chega!”

Relação entre o ser humano e os animais. Tema de diversos documentários, estudos, pesquisas e afins. Na série que chegou ao catálogo da Netflix em meados de outubro de 2016, esse assunto é demonstrado através de um enredo repleto de suspense e ação. Um thriller contado através de acontecimentos encadeados e revelações a todo instante. Essa é Zoo, trama baseada no livro de mesmo nome de James Patterson e Michael Ledwige.

Vou evitar dar qualquer tipo de spoiler sobre os personagens e suas relações, pois ver essa série meio que às escuras, descobrindo pouco a pouco quem é quem, é o que deixa tudo mais interessante. Foi assim comigo, pelo menos. Nessa resenha, me limito às informações básicas, sinopse e o que mais me cativou em Zoo.

 

A SÉRIE 

A primeira temporada conta com 13 episódios e cada um deles tem cerca de 40 minutos de duração. Por enquanto, a Netflix disponibilizou aqui no Brasil apenas essa parte. Zoo pertence ao canal CBS e já tem garantida uma terceira temporada para 2017. *atualização: a segunda temporada já está disponível no catálogo Netflix. 

O elenco principal tem James Wolk, Kristen Connoly e Nora Arnezeder, que fazem um excelente trabalho. Mas os destaques são Billy Burke, que interpreta um personagem de mal com a vida, cheio de segredos e contradições, e Nonso Anozie, que traz certa leveza ao enredo.

A edição de Zoo é totalmente voltada pra televisão, com momentos de tensão antes dos intervalos comerciais, que obviamente não acontecem na Netflix, mas dá pra perceber que o clima criado na cena, com áudio e corte de imagem, foi preparado pra isso.

Dica Netflix: Zoo, uma série que vai prender a sua atenção do início ao fim

POR QUE ASSISTIR ZOO?

Comecei a assistir Zoo por mera curiosidade mesmo. Nunca tinha lido nada sobre a série, visto teasers ou recebido qualquer tipo de indicação. Estava “passeando” pelo catálogo, vi a imagem, li a sinopse e apertei play. Talvez por esse desconhecimento tudo tenha ficado ainda mais interessante. Zerei a primeira (e única) temporada disponível em apenas três dias.

É uma trama capaz de te prender, porque os fatos vão acontecendo com muita agilidade de um episódio pra outro, sem enrolação. Além do enredo principal, que é a revolta dos animais, por trás de cada um dos 5 protagonistas, existe uma história desconhecida que, ao ser revelada, vai dando mais sentido ao tema central.

Eu não tenho animais domésticos em casa, mas pra quem tem, Zoo se torna ainda mais chamativa, porque desperta uma reflexão: “Caramba, realmente os animais tem uma força que eles desconhecem. Se tivessem capacidade de organização, eles poderiam dominar o mundo e deixar a gente sem ação”. E é isso que vai acontecendo!

Animais de diferentes espécies começam a criar uma inteligência especial e passam a ver os seres humanos como ameaça. Animais selvagens, domésticos, que vivem soltos ou em cativeiro vão se unindo contra as pessoas e ataques acontecem em várias partes do mundo.

Dois episódios se passam no Rio de Janeiro, quando morcegos adquirem um comportamento estranho e infernizam a vida dos cariocas. É interessante a visão americanizada da cidade.

Durante as investigações para descobrir as causas desses ataques em várias cidades espalhadas pelo planeta e como pará-los, é que surge o lado do thriller, envolvendo governos, grandes empresas com interesses, e descobertas que sempre vão te deixar em dúvida quem está querendo o bem da humanidade e quem está no “lado negro da força”.

Além disso, com os animais tão agressivos, você se pergunta se eles são os vilões da história ou se a culpa não é sua, da sua geração e da forma com que nós permitimos que eles sejam tratados.

Zoo não é uma das séries que vai entrar para o seleto grupo das 100 melhores séries de todos os tempos, mas é um passatempo dos bons.

Fica a dica! Comente aí se você tiver alguma dúvida ou então se já assistiu e quer dar o seu pitaco.

Dica Netflix: Zoo, uma série que vai prender a sua atenção do início ao fim

NETFLIX: ZOO

TRAILER

SINOPSE

Quando uma onda de ataques de animais violentos contra seres humanos começa a assolar todo o planeta, o zoólogo renegado Jackson Oz, com sua experiência nos confins da África, terá de descobrir o mistério por trás da pandemia – e Oz terá de correr contra o tempo, pois, à medida que os ataques se tornam mais coordenados e ferozes, diminuem os locais no planeta para as pessoas se esconderem.